É festa de família, é festa de comunidade na CMV de São Paulo. Missionários, missionárias, esposos missionários e voluntários se encontram juntos para reforçar o ser família.

Per marcar presença há quem "comeu" os 160 quilômetros que separam Americana até a sede da CMV e quem percorreu até 350 quilômetros porque provem de Piraju, outros ao invés moram mais perto. Tem quem viajou às quatro horas da manhã para chegar a tempo. Prá todos a "gasolina" que os faz andar é a vontade de viver um dia juntos.

Uma jornada para se encontrar, para trocar notícias, para crescer juntos, para fortalecer o ser todos juntos comunidade e missão. E o alimento escolhido hoje é meditar sobre a exortação apostólica “Gaudete et exsultate” de Papa Francisco, sobre o chamado à santidade no mundo contemporâneo.

As palavras de Papa Francisco ressoam através da síntese de Pe. Roberto do documento: "O espelho da nossa vida são as Bens-aventuranças. Todos somos chamados à santidade: consagrados, casais... todos. Deixamos que a graça do nosso batismo dê fruto em nossa vida. Cada um de nós é uma missão, um projeto de Deus. A vida é uma grande missão. Não temos que estar com medo da santidade: ela não nos tira as forças nem a alegria. A santidade se vive na comunidade. Sem vida comunitária é muito difícil se tornar santos. Os pequenos detalhes do dia a dia são muito importantes. Nada de cair na tentação de pensar que a gente vai se tornar melhor somente quando o outro vai melhorar de atitude".

Na celebração eucarística vivida juntos, três casais missionários e duas missionárias renovaram o compromisso comunitário e missionário. Neles e com eles é fácil oferecer a Deus o desejo de ser santos juntos, de ser comunidade e missão até os confins do mundo.

A seguir algumas imagens do dia de festa!