Jovens e adultos da paróquia e missionários da Comunidade participaram juntos a “O abraço à Guarapiranga”, uma manifestação de respeito e carinho com as fontes de água de São Paulo e, também, um ato de denúncia e indignação pelo descuido com a preservação dos mananciais.

Em sua 12ª edição, o Abraço quer mobilizar os cidadãos para a urgência em construir uma nova cultura de cuidado com a água.

Jovens e adultos saíram para uma caminhada da Paróquia em direção à represa.

Lá aconteceu o plantio simbólico de mudas.

Em seguida houve a reapresentação de Nossa Senhora Aparecida achada pelos pescadores e uma dança para comemorar os 300 anos desde sua descoberta e presença entre o povo brasileiro.

Depois dum momento de partilha, o abraço simbólico à Guarapiranga.