Nos dias 22 e 23 de outubro aconteceu a segunda experiência do Jeshuá Missão. Com o lema “Leve Deus e deixe que Deus te leve”, 16 jovens amigos da CMV viajaram quase 300 quilômetros até chegar a Avaré, uma cidade do interior de São Paulo. Lá, acolhidos na paróquia São José, do Padre Donisete, se juntaram a outros voluntários que viveram um momento lindo na presença de Deus.

Adotando uma nova dinâmica de organização, a modalidade do Jeshuá Missão é um grande desafio por conter muitas variantes, entretanto esse encontro se constituiu em um momento de forte contato com a providência e o amor de Deus. O pouco e a simplicidade de tudo em Deus se tornaram as maiores riquezas e presentes do retiro. Como há mais de dois mil anos Jesus nasceu em um lugar simples e salvou a humanidade, com muita simplicidade nesse fim de semana Ele nasceu no coração de 27 jovens que participaram do encontro.

Os testemunhos dos cursistas foram maravilhosos e comoventes, fazendo do segundo Jeshuá Missão uma experiência de fé, simplicidade, misericórdia, comunhão, amor e missão: “O Jeshuá foi para mim um momento de alívio, de pedir perdão, de me afastar dos caminhos ruins e seguir o caminho de Deus, mudar de direção.”;  “[...] a presença de Deus conosco foi inexplicável, pude sentir que Deus estava comigo o tempo todo.”; “[...] O Jeshuá fez com que me apaixonasse novamente por Deus.”; “[...] a partir de hoje vou levar esse amor para os outros que necessitam do amor verdadeiro e não de um amor falso[...]”.

Todos que serviram nesse encontro partilharam que o Senhor esteve todo tempo presente e em cada detalhe se fez notar.  O segundo Jeshuá Missão encheu a todos de alegria, dando a certeza da fidelidade de Deus e impulsionando a viver muito mais a dimensão missionária, sempre indo para onde Deus mandar.